Hino do município de Presidente Olegário

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Presidente Olegário
Letra por Geni Chaves
Melodia por Dom José André Coimbra


Engastada qual jóia em diadema,
Rebuscando do céu ouro e anil.
Eu te vejo, Cidade, meu berço,
Qual estrela no céu do Brasil.

Salve, Minas, que alegre fulguras,
Neste imenso torrão brasileiro.
Presidente Olegário hoje vibra
Em teu seio, feliz altaneiro. (bis)

Verdes campos, estradas sem fim,
E eis que surges, alegre e fagueira.
Do que é simples, tens tu a beleza,
Da esperança, tu tens a bandeira.

Salve, Minas, que alegre fulguras,
Neste imenso torrão brasileiro.
Presidente Olegário hoje vibra
Em teu seio, feliz altaneiro. (bis)

Tuas tardes convidam à paz,
São teus dias de ativo labor.
Aos que lutam por ti, minha terra,
Chovam bênçãos do céu do Senhor.

Salve, Minas, que alegre fulguras,
Neste imenso torrão brasileiro.
Presidente Olegário hoje vibra
Em teu seio, feliz altaneiro. (bis)

Unidos, por ti trabalharemos,
De mãos dadas num firme ideal.
Eia, sus! Presidente Olegário.
Alto ostenta da glória o fanal.

Salve, Minas, que alegre fulguras,
Neste imenso torrão brasileiro.
Presidente Olegário hoje vibra
Em teu seio, feliz altaneiro. (bis)