Hino do município de Quaraí

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino de Quaraí
Letra por José Pires Ibaldo
Melodia por Jesus Pires Ibaldo

Recebe hoje meu afeto em canção
Um poema escrito em verso de louvor
Um canto novo brota em cada coração
É o teu hino enaltecido de amor
Querência, Querida, meu Quaraí

As estradas são atalhos prá o teu seio
Do Jarau à Gaudêncio vou cantando
Piazito Carreteiro no assobio
Do Areal ao Saladeiro vou olhando
Teus campos germinam a seiva do amor

Do guarani, Guaiyra nasceu
Rio sol, das ocas e das garças
Teu nome tem glória que a história escreveu
Minha terra natal da esperança

Tua cultura vai além dos mares
Teus braços são muralhas na bravura
Tua bandeira vai andar noutros lugares
Entre tantas belas figuras

Salamanca do Jarau
Nossa mais bela lenda,
Ensina tua prenda
A ser feliz no sarau

Oh Teiniaguá que grande esplendor
Na tua imagem sublime nostalgia
Oh Quaraí consagra a poesia
Da tua alegria? Teu hino de amor
E quimera nossa fronteira? Não separa
Não há limites para nosso céu azul
A concórdia uniu Artigas com ternura
Para olhar o cruzeiro do sul
Mesclar horizontes Brasil e Uruguai