Hino do município de Quixaba (Pernambuco)

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Quixaba
Letra por João Bosco de Lima
Melodia por João Bosco de Lima

Ho! Quixaba que estás situada,
Em um “trono” de grandes riquezas
De um lado uma serra te escora,
E o cruzeiro simboliza a beleza,
La de cima se ver com clareza
As paisagens com matas coloridas
Umas verdes, outras mais sofridas,
Do sol quente que assola o sertão.

Ho! Quixaba levanta tua voz
Ergue os braços com faixas e bandeiras
Desenhadas com pés de quixabeiras
Dado origem ao início da história.
De um lado bem próximo, um riacho,
Que das águas se sente logo o cheiro
Na frente a violência do “barceiro”,
Que fortifica e dá sustento à nossa terra.
E se encerra desaguando em outro rio.

E quixaba reanima o seu perfil
Encorajando os seus filhos verdadeiros.
Brilha o sol nas manhãs mais floridas
Onde os pássaros têm suas dormidas
Agasalham-se ao anoitecer
Lindos ao entardecer
Lá no seu fazendo sinal
Como espadas do Ocidente
É Quixaba uma linda semente
Germinando como fruto imortal.

Nossas terras de grades matas
Enriquecidas pela a natureza,
Onde se ouviu o ranger dos engenhos,
Produzindo e transformando a riqueza
E a cana saciava a pobreza
Que assola este nosso sertão
Também se produziu o algodão
Que ajudou muitos filhos d’aqui.

Céu azul, nuvem branca a vagar,
No espaço as estrelas a brilhar,
Revoadas de pássaros brincando
Enfeitando as paisagens que há.
Nosso Deus com poder profundo
Enche o mundo e faz clarear,
Neste claro reluz a Quixaba,
Uma criança livre a caminhar.