Hino do município de Sertanópolis

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Sertanópolis
Letra por Pe. César Bano
Melodia por José Guerini
Estribilho (2x)

Salve! Salve, cidade ubertosa,
Luminar de bravura e valor:
salve, orgulho de gente operosa,
Sertanópolis, d'alva fulgor!

Sertanópolis, terra florida,
deste norte cidade primeira,
duma imensa floresta nascida,
do trabalho tu foste pioneira.
Tibagi noite e dia relata
a gloriosa tua história da mata.

Quando a serra e o machado cantando
os filhotes da onça acordava,
de veneno sua flecha encharcando,
da tua taba o selvagem migrava.
Foi com lágrimas, sangue, esperança
que o empolgante progresso se avança.

(2x)

Salve! Salve, cidade ubertosa,
Luminar de bravura e valor:
salve, orgulho de gente operosa,
Sertanópolis, d'alva fulgor!

Desta Pátria risonho recanto,
o diadema que te trança a flora,
as tuas frutas, teus brincos d'encanto
te proclamam formosa senhora:
sobre o manto de messes, de flores
o sol brilha em múltiplices cores.

Teu pacífico bronze sagrado,
de três séculos teste da história,
o titânico esforço engendrado
narre ao mundo e a façanha de glória.
Diga àquele que indaga sua sorte
que é da mente e do braço este norte.

(2x)

Salve! Salve, cidade ubertosa,
Luminar de bravura e valor:
salve, orgulho de gente operosa,
Sertanópolis, d'alva fulgor!