Hino do município de Sertaneja

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Sertaneja
Letra por Mauricio Orasmo e Renato Tavares
Melodia por Mauricio Orasmo e Renato Tavares

Entre suaves planícies implanta
Sertaneja de belo esplendor
Tens o manto qual verde das plantas
Terra linda de raro fulgor
O Panema, correndo ao norte.
Lá deságua o Rio Tibagi
És fruto do trabalho forte
Dos imigrantes que vieram a ti.

ESTRIBILHO

Lavrando a terra, teu povo desbravador.
O ouro verde a todo canto se espalhou
Sertaneja, terra hospitaleira.
Berço augusto de gente pioneira.

No trabalho da terra querida
Fez progressos com muito labor
Garantindo o futuro da vida
Com tuas raças unidas ao amor.
Nessas águas que ao longo te banhas
Na planície a cidade nasceu
Às margens do Rio Congonhas
Teu filho forte, no trabalho cresceu.