Hino do município de Tasso Fragoso

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Tasso Fragoso
Letra por Cardoso Araújo / Vera Cipriano
Melodia por Mauro C. Cardoso Araújo

Tasso Fragoso imponente se eleva,
Ao cume do Morro Garrafão;
Marcelino e Brejo da Porta,
São Riachos que banham o seu chão.

É tradição a Festa do Divino,
O Reisado a bater em cada porta;
Pede a Deus em sublime oração,
Que proteja sua gente devota.

Salve, Salve... Terra Querida,
Enfeitada de matas e chapadas;
Dou a ti a minha própria vida,
Ó Cidade por Deus abençoada.

Povo de paz hospitaleiro,
O seu município faz limite;
Com o Rio Parnaíba e Limpeza,
Outras fronteiras: Penitente e Pureza.

O bailado de araras no ar,
A beleza que a natureza nos deu;
É apenas mais um fato a contar,
São encantos entre tantos mil.

Salve, Salve... Terra Querida,
Enfeitada de matas e chapadas;
Dou a ti a minha própria vida,
Ó Cidade por Deus abençoada.

Laranjais e bananais,
São culturas plantadas em ti;
Soja, arroz, milho e buriti,
Se apresentam entre os Babaçuais.

O teu rio tão grande e transbordante,
Para nós ele e tão importante;
Tua fonte é como água cristalina,
Parnaíba...Parnaíba.

Salve, Salve... Terra Querida,
Enfeitada de matas e chapadas;
Dou a ti a minha própria vida,
Ó Cidade por Deus abençoada. (2 vezes)