Joam Bolo jouv'em ũa pousada

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Joam Bolo jouv'em ũa pousada
por Dom Dinis


Joam Bolo jouv'em ũa pousada
bem dês ogano que da era passou
com medo do meirinho que lh'achou
ũa mua que tragia negada;
pero diz el que, se lhi for mester,
que provará ante qual juiz quer
que a trouxe sempre dês que foi nada.
   
Esta mua pod'el provar por sua
que a nom pod'home dele levar
pelo dereito, se a nom forçar,
ca moram bem cento naquela rua
per que el poderá provar mui bem
que aquela mua, que ora tem,
que a teve sempre, mentre foi mua.
   
Nom na perderá, se houver vogado,
pois el pode per enquisas põer
como lha virom criar e trager
em cas sa madr', u foi el criado;
e provará per maestre Reinel
que lha guardou bem dez meses daquel
cerro, ou bem doze, que trag'inchado.