La Bayamesa

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
La Bayamesa Flag of Cuba.svg
Letra por Pedro Felipe "Perucho" Figueredo
Melodia por Pedro Felipe "Perucho" Figueredo


Ao combate correi bayameses,
que a pátria vos contempla orgulhosa;
não temai uma morte gloriosa,
que morrer pela pátria é viver!
Em cadeias viver é viver
em afronta e opróbrio consumido.
Do clarim escutai o som,
às armas, valentes, correi!
Não temai; os feroses ibéricos
são covardes qual todo tirano
não resistem ao braço cubano;
para sempre seu império caiu.
Cuba livre! Espanha já morreu,
seu poder e seu orgulho aonde foram?
Do clarim escutai o som,
às armas, valentes, correi!
Contemplai nossas tropas triunfantes.
Contemplados a eles caídos,
por covardes, fogem vencidos:
por valentes, soubemos triunfar!
Cuba livre! Podemos gritar
do canhão ao terrível estampido.
Do clarim escutai o som,
às armas, valentes, correi!

Retirado de http://pt.wikipedia.org/wiki/Hino_nacional_de_Cuba