Página:A Patria Brazileira.djvu/215

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
— 199 —


por tremendo terremoto, que victimou milhares de habitantes, arrazou cerca de 1200 casas, damnificando mais de 5000!

E recentemente, em 1902, devido talvez a alguma transformação operada no interior da Terra, esses phenomenos foram geraes em grande parte do mundo.

Ainda é intensa a consternação produzida em Maio desse anno pela pavorosa erupção vulcânica na montanha Pellada, na ilha de Martinica, possessão franceza, do grupo das Antilhas, na America, devastando uma população de 40.000 almas e destruindo completamente a cidade de S. Pedro!

Vede, pois, deante desses horrores como a Providencia vela por nosso amado Brazil!

Dentre as montanhas brazil eiras, existem algumas relativamente pequenas, mas que nos relembram acontecimentos memoráveis, como, por exemplo: o monte Paschoal e a serra da liiuba, no Estado da Bahia; os montes das TaWcas e os Guararapes, no de Pernambuco.

Acerca do monte Paschoal, póde-se dizer que na historia brazileira elle apparece como o pharól de nossa nacionalidade.


É certo que a costa do Brazil foi avistada e visitada mesmo em diíferentes pontos por Vicente Yanez Pinson, entre outros, em 1500, nada, porém, resultando dessas aventurosas viagens para a Givilisação; mas a Portugal coube incontestavelmente a gloria de encorporar-nos ao mundo então conhecido.

Reinava então alli D. Manoel, appellidado — Venturoso —, que desejando mandar á fndia, para assegurar a Portugal o commercio daquella riquíssima paragem, segunda expedição pelo caminho já traçado por Vasco da Gama, aprestou