Página:A Patria Brazileira.djvu/270

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
— 254 —


conhecidas nos demais paizes, com a vantagem ainda de não viverem em nossas florestas os terriveis animaes, que se ÉvV\í, gs encontram na Ásia e na Africa.

Não possuimos, por exemplo, o

altivo e possante leão, nem a feroz

hyena, o typo da crueldade.

A mais temida fera brazileira é a

19-*ik onça, de que se encontram diífe-

rentes espécies. "*′′′" De quadrúpedes, existem nume-

rosos typos: o boi, o cavallo, o veado, a cabra, o carneiro etc, etc.

De reptis conliece-se notável diversidade — cobras, pov exemplo, algumas venenosíssimas, sendo a mais temerosa pela corpulência e força muscular a — suatríjú —, que habita os grandes rios.

Referindo-nos á cobra, mencionaremos seu inimigo nato, o teiú ou tejuassú, espécie de calangro que lhe não teme o veneno: briga ardorosamente com a cobra, e quando se sente por esta mordido, vae ao matto em busca de uma herva delle conhecida, come-a como contraveneno, e volta á lucta encarniçada, sahindo as mais das vezes victorioso.

Com relação aos insectos, nenhum paiz no mundo os possue de tão prodigiosas espécies, nem tão originaes nas formas e nas cores. Grande numero de naturalistas já têm visitado o Brazil em busca de borboletas, bezouros, etc, que vendem na Europa por valioso preço ])ara os Museus e as collecções particulares.

Quanto ás aves, que bellezas indescriptiveis ostentam na multicor e encantadora plumagem e no delicioso canto!

Com muita razão diz Wappeus em sua preciosa Geographia do Brazil, que «na classe das aves é o Brazil um paiz verdadeiramente privilegiado. A exuljerancia de sua fauna ornithologica se caracterisa tanto pela variante das formas e cor