Página:Americanas.pdf/26

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
12
AMERICANAS


Anciosas mãos estende; inda palpita
O coração, com desusada fôrça,
Como se a vida toda alli buscasse
Refúgio certo e último. Impetuoso
O vestido christão lhe despedaça,
E á luz ja viva da manhã recente
Contempla as nuas fórmas. Era acaso
A syncope chegada ao termo proprio,
Ou, no pejo offendida, ás mãos entranhas
A desmaiada moça despertára.
Potyra accorda, os olhos lança em tôrno,
Fita, ve, comprehende, e inquieta busca
Fugir do vencedor ás mãos e ao crime...
Misera! oppõe-se-lhe o irritado gesto
Do asperrimo guerreiro; um ai lhe sobe
Angustioso e triste aos labios tremulos,
Sobe, murmura e suffocado expira.
Na rede envolve o corpo, e, desviando
Do terrivel tamoyo os lindos olhos,
Entrecortada prece aos ceus envia,
E as faces banha de serenas lagrymas.