Página:As organizações no ciberespaço.djvu/80

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


VI A ORGANIZAÇÃO DOS PARES NA WIKIPÉDIA


"Cada um é livre para ocupar como quiser as horas compreendidas entre o trabalho, o sono e as refeições, a fim de que todos, liberados de seus ofícios, possam se dedicar a uma boa ocupação de sua escolha."
A Utopia, Tomás Morus


Um dos expoentes da produção por pares, da economia da doação e das comunidades virtuais é o objeto de estudo deste trabalho: a Wikipédia. É atualmente a maior enciclopédia digital em número de verbetes escritos e sua credibilidade aumenta com o amadurecer de seus colaboradores, os chamados wikipedistas. Assim como qualquer enciclopédia, seu objetivo fundamental é reunir e organizar o conhecimento da humanidade, entretanto de forma livre e aberta.

A Wikipédia é um projeto sem fins lucrativos criado e mantido pela Wikimedia Foundation, a fundação reúne, além do projeto enciclopédico, os projetos: Wikcionário, Wikiquote, Wikilivros, Wikisource, Wikimedia Commons, Wikispecies, Wikinews e Wikiversidade, além do software MediaWiki. A fundação é gerida por um conselho de diretores, entretanto estes não interferem na linha editorial de cada projeto, deixam que o consenso entre os integrantes prevaleça.

Em março de 2008, a Wikipédia possuía 9.790.407 artigos em 256 línguas, destes 363.323 em linguagem lusófona<>. Se difere das outras enciclopédias por não possuir um conselho editorial e pelo modelo autoral baseado na liberdade de cópia, distribuição e alteração. Ao contrário da Enciclopédia de Diderot, escrita por nomes como Rousseau, Voltaire e Montesquieu, na Wikipédia qualquer pessoa pode incluir um novo verbete ou alterar algum já existente, cada leitor é um potencial colaborador. Porém há uma espécie de regulação automática onde deve prevalecer o consenso. Ao navegar pelo site é possível encontrar uma página onde são relatadas suas maiores qualidades, segundo o próprio projeto[1]

  1. <http://pt.wikipedia.org/wiki/Wikipedia:Por que a Wikipedia é tão fantástica> Acesso em 16 mai. 2008.