Página:Chrysalidas.pdf/118

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa



Sopra o sul: a ventoinha
        Volta azinha,
Volta azinha para o sul;
Vem taful: a cabecinha
        Volta azinha,
Volta azinha ao meu taful.

Quem lhe pozer confiança,
        De esperança,
De esperança mal está;
Nem desta sorte a esperança
        Confiança,
Confiança nos dará.

Valêra o mesmo na arêa
        Rija amêa,
Rija amêa construir;
Chega o mar e vae a amêa
        Com a arêa,
Com a arêa confundir.[1]

Ouço dizer de umas fadas
        Que abraçadas,

  1. Como a arêa,/Como a arêa confundir. no original. (Errata, p. 176)