Página:Diva - perfil de mulher.djvu/66

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


— Doutor!

— O senhor está lembrado do que se passou entre nós há três anos, logo depois do restabelecimento de D. Emília?

— A que respeito?...

— A respeito da maneira generosa por que o senhor quis recompensar os pequenos serviços que eu...

— Ah! lembro-me!...

— Pequenos serviços, doutor! acudiu D. Leocádia. Um irmão não faria por sua irmã o que o senhor fez por Mila.

— Fiz o meu dever, minha senhora, e nada mais; um simples dever de médico!

— Não! O senhor pode pensar como quiser; mas eu sei que lhe devo a vida de minha filha, doutor. Se não fosse o senhor...

— Que passou vinte e tantos dias, quase sem dormir, não pensando em outra coisa... Cuida que eu não vi o seu desespero quando Mila piorou? E até uma vez...

— Perdão, D. Leocádia! disse eu muito contrariado. A senhora compreende que não vim lembrar o que se passou há tanto tempo para provocar elogios, que não mereço, e que, desculpe, me desagradam sempre.

— É tal e qual: sobre isto não é capaz de ceder. Não o contrarie, mana.

— Está bem, doutor, não se zangue; já me calo — respondeu a senhora com bondade.

— Repito — continuei — , não fiz mais do que a minha obrigação; e, quando recusei a recompensa