Página:Espontaneidades da minha alma.djvu/74

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

— 74 —

Magos encantos revela
A tua imagem primorosa
Respiras o odôr da roza
Igualas uma deidade!
Alma d’Anjo! oh! tem piedade!....



A UMA JOVEN!


És perla doirada,
Por Anjo engastada,
De brilho famada
No mundo a luzir;
És alva pombinha,
És meiga estrellinha
Que o céu acarinha,
No céu a fulgir!

És flor primorosa,
No viço radiosa,
No cheiro mimosa
Na terra a florir:
És trova singella,
Tão pura e tão bella
De meiga donzella
De casto surrir!