Página:Obras de Manoel Antonio Alvares de Azevedo v3.djvu/136

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Oh! argent! Avec toi on est beau, jeune,

adoré; on a considération, honneurs, qualités, vertus.
Quand on n'a point d'argent on est dans la dépendance
de toutes choses et de tout le monde.

CHATEAUBRIAND

 
Sem ele não há cova! quem enterra
Assim grátis, a Deo? O batizado
Também custa dinheiro. Quem namora
Sem pagar as pratinhas ao Mercúrio?
Demais, as Danáes também o adoram...
Quem imprime seus versos, quem passeia,
Quem sobe a deputado, até ministro,