Página:Poesias eroticas, burlescas e satyricas.djvu/221

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
217
notas


denciar, mandando vir tropa, que poz fóra a todos, com promessa de voltarem, ficando a final sós na casa o pae, e a mãe com a supposta defuncta. O official que commandava a tropa, tendo-se retirado para baixo, chegou porém passado algum tempo casualmente á porta: e como ouvisse rumor de vozes no quarto onde jazia a santa amortalhada com tochas accezas, empurra a porta de repente, e acha-a sentada muito á vontade, conversando sem cerimonia com o pae e mãe! — Ella mal que o viu, estendeu-se novamente, e deixou-se morrer outra vez querendo sustentar a impostura: e os paes com toda a presença d′espirito contaram ao official que sua filha lhes estava declarando o lugar em que no convento dos Remedios queria ser sepultada. Aquelle, que já desconfiava de tanta maranha, deu logo parte do facto ao Arcebispo. Vieram medicos, e acharam-na mais viva que o azougue!

Descoberta a impostura, o povo amotinou-se novamente: mas d′esta vez com o intento de dar cabo da beata, a quem não podiam perdoar a illusão em que haviam cabido. A final foi mandada presa para o recolhimento de Santa Martha. O reverendo padre confessor fugiu, e todos os seus confrades foram suspensos das ordens, e degradados para um convento do Algarve. Tudo porém ficou impune; porque passado algum tempo a beata sahiu do recolhimento, e casou com um sol-