Página:Til (Volume III e IV).djvu/165

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Então, disse Berta para Miguel: confesse, você gosta de Linda?

— Gosto! respondeu o moço com um sorriso.

— Muito?

— Muito!

Voltou-se Berta rapidamente e afastada a ramagem exclamou alegre, descobrindo o vulto de Linda:

— Não lhe disse, Linda? Veja que não a enganei.

Linda corou; e Miguel nesse momento acreditou que a amava, pois a via ainda através do sorriso fascinador de Inhá.

Dirigiram-se todos à casa. Berta com o braço passado à cintura de Linda, achava meio de aproximar a amiga a cada instante de Miguel, entrelaçando as mãos de ambos.

O Afonso com suas estrepolias aumentava