Pregunto-vos por amor

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Pregunto-vos por amor / Eu me vy jaa com favor
pergunta por Desconhecida; resposta por Garcia de Resende
Poemas publicados em 1516 no Cancioneiro Geral de Garcia de Resende.


Pregunta dũa molher a garçia de rresende com que lhe foy bem e estavam desavindos.

Pregunto-vos por amor,
hond'estaa e faz desvyo,
se amor ou desamor
em balança he, ou refyo.
Porque ambos ey passado,
cada hum tem sua vena;
por vos seja decrarado
qual daa moor prazer ou pena?

Reposta de garçya de rresende polos consoantes.

Eu me vy jaa com favor,
e depois triste perdi-o,
fyquey com gram desfavor
e do bem passado fryo.
Nam pode ser comparado
o desquansso co'a pena,
porqu'o bem vem com cuydado
e o mal mais mal ordena.