Recordando Mundo Novo

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Céu azul, estrela a cintilar
Traz saudades que me faz lembrar
Mundo Novo é o meu rincão
Incrustado lá no sertão

Oh! Como é belo reviver
A terra que me deu tanto prazer
Recordo afinal o seu carnaval
Que se tornou imortal
Sem esquecer um só dia sequer
Da gameleira ao vai-quem-quer
E a minha Lira com toda razão
Vive guardada no meu coração.