Se hoj'em vós há nenhum mal, senhor

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Se hoj'em vós há nenhum mal, senhor
por Dom Dinis


Se hoj'em vós há nenhum mal, senhor,
mal mi venha daquel que pod' e val
se nom que matades mi, pecador,
que vos servi sempr' e vos fui leal
e serei já sempr', enquant'eu viver,
e, senhor, nom vos venh' esto dizer
polo meu, mais porqu'a vos está mal.
   
Ca, par Deus, mal vos per[1] está, senhor
desi é cousa mui descomunal
de matardes mim, que merecedor
nunca vos foi de mort', e pois que al
de mal nunca Deus em vós quis poer[2],
por Deus, senhor, nom queirades fazer
em mim agora que vos estê mal.

Notas[editar]

  1. A preposição per, anteposta ao infinito dos verbos estar e ser, é muito usada na língua italiana, com as significações de correr risco, faltar pouco para, estar para, etc. (Dicionário de la Crusca.)
  2. Poer: por e no pretérito pugy. Docum. de 1312.