Senhor fremosa, por qual vos Deus fez

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Senhor fremosa, por qual vos Deus fez
por Dom Dinis


Senhor fremosa, por qual vos Deus fez
e por quanto bem em vós quis poer,
se m'agora quiséssedes dizer
o que vos já perguntei outra vez,
tenho que mi faríades gram bem
de mi dizerdes quanto mal mi vem
por vós, se vos est'é loor ou prez[1].
 
Ca, se vos fosse ou prez ou loor,
de me matardes seria razom,
e nom diria eu por ende nom,
mais d'atanto sede sabedor:
que nenhum prez nem loor nom vos é;
ant'errades muito, per bõa fé,
de me matardes, fremosa senhor.
 
E sabem quantos sabem vós e mim
que nunca cousa como vós amei;
desi sabem que nunca vos errei
(e) er sabem que sempre vos servi
o melhor que pud' e soubi cuidar;
e por em fazedes de me matar
mal, pois vo-l'eu, senhor, nom mereci.

Notas[editar]

  1. Prez: mérito. Ex.: Ainsi pourras monter en prez (Assim poderás crescer em mérito)