Tractado da Terra do Brasil/Prollogo Ao lector

Wikisource, a biblioteca livre
< Tractado da Terra do Brasil

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Prollogo Ao lector.

 

Minha tençaõ naõ foi outra neste summario (discreto e corioso lector) senaõ de nunçiar em breues pallauras a fertillidade e abundançia da terra do brasil, pera que esta fama venha a notiçia de muitas pessoas que nestes Reinos viuem com pobreza, e naõ duuidem escolhelha pera seu Remedio: porq̃ a mesma terra he tam natural e fauorauel aos estranhos que a todos agazalha e conuida com Remedio por pobres e desemparados que seiaõ. Eassy cada vez se vay fazendo mais prospera, e depois q̃ as terras viçosas se forem pouoando (que agora estaõ desertas por falta de gente) haõ se de fazer nellas grossas fazendas como ia estaõ feitas nas q̃ possuem os moradores da terra, etambem se espera desta prouinçia que por tempo floreça tanto na Requeza como as Antilhas de Castella por que he çerto ser en si aterra mui riqua e auer nella mtos metais, osquais ategora se naõ descobrẽ ou pornaõ auer gente na terra pera cometer esta impreza, outambem por negligençia dos moradores que se naõ querem despor aesse trabalho: qual seja a causa por que o deixaõ de fazer naõ sei. Mas permittira nosso snõr que ainda em nossos dias se descubrã nella grãdes thezouros, assy pera seruiço e augmẽto de S. A. como pera porueito de seus vassallos que o deseião seruir.