Wikisource:Revisão do mês/maio 2015

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Parnaso Sergipano
editado e compilado por Sílvio Romero

Parnaso Sergipano (Volume 1).pdf
No Mar (trecho)
por Francisco Leite de Bittencourt Sampaio


Rainha do dia, a aurora
E’ doce vel-a no mar,
Deixando o horizonte
Por entre a neblina,
Delgada cortina
Que a fronte
Descora
Das flores do ar.

Linda concha — a barca bella
Deixemos solta correr.
Oh! vem comigo, donzella,
No mar de amores viver.