Última carta de Thomas More

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Última carta de Thomas More
por Thomas More


Nosso Deus te abençoe, querida filha, e o teu bom esposo, e teu pequeno filho, e todos os teus, e todos os meus filhos, e todos os meus enteados e todos os teus amigos. Quando puderes recomende-me para minha boa filha Cecília, que eu humildemente peço a Deus que conforte; e envio a ela e a todos seus filhos minha benção, e rogo para que ela reze por mim. Envio a ela um lenço, e Deus conforte seu esposo, meu bom filho. Minha boa filha Daunce tem a pintura em papel pergaminho que tu me entregaste, vinda de minha Lady Coniers, com seu nome no verso. Mostre a ela que eu, de todo o coração, rogo que tu possas mandá-la novamente, em meu nome, como um símbolo meu para que ela reze por mim.

Gosto especialmente de Dorothy Colly. Rogo a ti que sejas boa com ela. Gostaria de saber se foi sobre ela que você me escreveu. Se não, rogo a ti para que seja tão boa quanto puder com a outra, em sua aflição, e para minha boa filha Jane Aleyn também. Dê a ela, eu rogo, algum tipo de resposta, pois ela suplicou a mim até aqui que eu pedisse a ti que fosses boa com ela.

Fui um grande estorvo a ti, boa Margareth, mas lamentaria se isso durasse mais do que até amanhã, que é justamente o dia de São Thomas e o oitavo dia depois de São Pedro, e, então, ao longo de amanhã devo ir a Deus. É um dia muito adequado e conveniente para mim.

Nunca gostei tanto de tuas maneiras comigo quanto da última vez em que me beijaste, pois adoro quando o amor de filha e a querida caridade não encontram descanso para olhar para o mundo material. Adeus, minha querida criança, reze por mim e eu devo fazer o mesmo por ti e todos os teus amigos, que talvez possamos encontrar alegremente no céu. Agradeço-te pelo grande trabalho que tiveste. Mando agora à minha boa filha Clement sua pedra de algarismos, e envio a ela e a meu afilhado e a todos os seus a benção de Deus e a minha. Rogo a ti que me recomende, na hora conveniente, para meu bom filho John More. Gosto muito do seu jeito natural. Nosso Deus o abençoe e à sua boa esposa, minha boa filha, a quem eu rogo a ele que seja bom, pois tem muitos motivos; e se as minhas terras forem parar em suas mãos, ele não quebre minha vontade em relação à sua irmã Daunce. E Deus abençoe Thomas e Austin, e todos os que eles terão.


Heckert GNU white.svg Este trabalho foi publicado nos termos da GNU Free Documentation License.