Bíblia Aberta/João/IV

Wikisource, a biblioteca livre
< Bíblia Aberta‎ | João
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
João - Capítulo IV
por Vários


Esta página também faz parte do Projeto Bíblia Aberta.

A mulher samaritana[editar]

1 O Senhor[1] soube que os fariseus tinham ouvido que Jesus fazia mais discípulos, e batizava mais que João. 2 (Ainda que o próprio Jesus não batizava, mas sim seus discípulos). 3 Então ele deixou a Judeia, e voltou para a Galileia.

4 Ele teve que passar por Samaria. 5 Então ele chegou a uma cidade de Samaria chamada Sicar, próximo das terras que Jacó tinha dado para seu filho José. 6 E era ali o poço de Jacó. Jesus estava muito cansado da viagem; então ele sentou junto ao poço, por volta da hora sexta[2]. 7 Uma mulher de Samaria veio para tirar água. Jesus disse para ela:

- Dá para mim algo[3] de beber.

8 (Pois os discípulos dele tinham ido à cidade para comprar alimento). 9 Então a mulher samaritana lhe disse:

- Como tu, que és judeu, pedes para mim algo de beber, eu que sou uma mulher samaritana?

(Pois os judeus evitam[4] os samaritanos).

10 Jesus respondeu para ela:

- Se você conhecesse o dom de Deus, e quem é o que lhe disse: "Dá para mim algo de beber", você teria pedido para ele, e ele teria dado água viva para você.

11 A mulher lhe disse:

- Senhor, tu tens nada para tirá-la, e o poço é profundo; de onde, então, tu tens essa água viva? 12 Quer dizer que[5] tu és maior que nosso pai Jacó, que nos deu o poço, do qual ele mesmo bebeu, e também seus filhos e seu gado?

13 Jesus lhe respondeu:

- Todo aquele que bebe desta água voltará a ter sede. 14 Mas quem beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário: a água que eu lhe der se tornará nele uma fonte de água que salta para a vida eterna.

15 A mulher lhe disse:

- Dá para mim desta água, para que eu não tenha mais sede, nem venha aqui para tirá-la!

16 Ele[6] lhe disse:

- Vá, chame teu marido, e volte para este lugar.

17 A mulher lhe respondeu:

- Não tenho marido.

Jesus disse para ela:

- Você está certa quando disse: "Não tenho marido"; 18 porque você já[7] teve cinco maridos, e o homem que você tem agora[8] não é teu marido; isso que você disse é verdade.

19 A mulher lhe disse:

- Senhor, vejo que tu és profeta. 20 Nossos pais adoraram neste monte; mas vocês dizem que em Jerusalém é o lugar onde se deve adorar.

21 Jesus lhe respondeu:

- Mulher, creia em mim, que a hora vem em que nem neste monte, nem em Jerusalém vocês adorarão ao Pai. 22 Vocês adoram o que não conhecem; nós adoramos o que conhecemos, porque a salvação vem dos que conhecem completamente a Deus. 23 Mas a hora vem, e é agora, em que os verdadeiros adoradores adorarão ao Pai em espírito e em verdade; porque são estes adoradores que o Pai procura. 24 Deus é espírito; e seus adoradores devem adorá-lo em espírito e em verdade.

25 A mulher lhe disse:

- Eu sei que o Messias está vindo; quando chegar, ele vai nos anunciar tudo.

26 Jesus lhe disse:

- Eu, que estou falando com você, eu o[9] sou.

27 Neste momento seus discípulos chegaram, e se admiraram[10] dele estar falando com uma mulher. Porém ninguém lhe perguntou: "O que tu procuras?" ou "Por que tu estás falando com ela?" 28 A mulher deixou então sua vasilha, foi para a cidade, e disse para as pessoas: 29

- Venham ver um homem que disse para mim tudo o que eu fiz. Será que ele é o Cristo?

30 Saíram, então, da cidade, e vieram até ele.

A comida e a colheita de Cristo[editar]

31 Enquanto isso, os discípulos lhe pediam, dizendo:

- Mestre, come.

32 Mas ele lhes respondeu:

- Eu tenho uma comida que vocês não conhecem.

33 Então os discípulos disseram uns aos outros:

- Será que alguém lhe trouxe algo[11] de comer?

34 Jesus lhes disse:

- Minha comida é que eu faça a vontade daquele que me enviou, e complete o trabalho dele. 35 Vocês não dizem que ainda faltam quatro meses para a colheita? Mas eu digo para vocês: "Levantem os seus olhos, e observem o campos!", porque eles já estão brancos[12] para a colheita. 36 Quem colhe recebe pagamento, e junta fruto para a vida eterna, para que se alegrem tanto quem semeia quanto quem colhe. 37 Porque neste caso o ditado é verdadeiro: "Um é o que semeia, e outro o que colhe". 38 Eu envio vocês para colherem o que vocês não trabalharam; outros trabalharam, e você entraram nos frutos[13] do trabalho deles.

Jesus entre os samaritanos[editar]

39 E muitos samaritanos daquela cidade creram nele pelas palavras da mulher, que testemunhou: "Ele disse para mim tudo o que eu fiz". 40 Quando, então, os samaritanos vieram até Jesus, eles lhe pediram para continuar com eles; e ele ficou ali por dois dias. 41 E muitos mais creram por causa das palavras dele. 42 E disseram para a mulher:

- Nós cremos, não mais por causa de suas palavras; porque nós mesmos temos ouvido e conhecido que ele é verdadeiramente o Salvador do mundo[14].

O filho do oficial do rei[editar]

43 Dois dias depois ele saiu daquele lugar, e foi para a Galileia. 44 (Pois o próprio Jesus testemunhou de que um profeta não tem honra em sua própria terra). 45 Quando, então, ele chegou na Galileia, os galileus deram boas vindas a ele[15], porque viram tudo o que ele tinha feito em Jerusalém, durante a festa, pois eles também[16] tinham ido para a festa. 46 E Jesus foi novamente a Caná da Galileia, onde ele fez a água em vinho. E ali estava um oficial do rei, cujo filho estava doente em Cafarnaum. 47 Ele soube que Jesus estava vindo da Judeia para a Galileia, e então foi até Jesus[17], e lhe pediu para que descesse e curasse o filho dele, porque estava quase morrendo. 48 Jesus lhe disse:

- Se vocês não virem sinais e milagres, vocês não vão crer.

49 O oficial lhe disse:

- Senhor, desce, antes que meu filho morra!

50 Jesus lhe respondeu:

- Vá, o seu filho vive.

O homem creu na palavra que Jesus lhe tinha dito, e saiu. 51 Enquanto ele descia, os servos dele o encontraram, e lhe contaram:

- O seu filho está vivo!

52 Então ele lhes perguntou a hora começou a ficar melhor. Eles lhe disseram:

- Ontem, à hora sétima, ele deixou de ter febre.

53 O pai percebeu que aquela era a hora em que Jesus tinha lhe dito: "Seu filho vive". E ele creu, e também todas as pessoas[18] da casa dele. 54 Este foi o segundo milagre[19] que Jesus fez, quando ele veio da Judeia para a Galileia.

Notas[editar]

  1. Nestle-Aland 27 contém Jesus no lugar de O Senhor
  2. Aproximadamente meio-dia
  3. algo foi incluído por questão de clareza
  4. Ou não têm coisas em comum com; ou ainda não se comunicam com
  5. A estrutura da frase sugere que quem pergunta pensa que a resposta é negativa
  6. Robinson-Pierpont e Textus Receptus explicitam o nome Jesus
  7. foi adicionado para dar maior clareza
  8. homem e agora foram adicionados para dar clareza
  9. o está implícito no texto original. Além disso, eu foi repetido para ficar mais natural em português
  10. Ou maravilharam
  11. algo foi adicionado para dar clareza
  12. Ou prontos
  13. nos frutos foi adicionado para dar clareza
  14. Robinson-Pierpont e Textus Receptus também incluem: o Cristo.
  15. Literalmente o receberam
  16. também foi adicionado por estar implícito
  17. Literalmente ele. Jesus foi posto para aumentar a clareza
  18. as pessoas foi adiconado para dar clareza
  19. Ou sinal