De vos e de mim naceo

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Que he o que vejo
por Anónimo
Cantiga renascentista portuguesa presente no Cancioneiro de Elvas.


De vos e de mĩ naceo,
este cuidado a q̃ vim,
q̃ naõ a bẽ para mĩ,
nẽ mal q̃ naõ seja meu.

De vos q̃ vendouos vi
Minha clara perdiçaõ
E de mĩ q̃ escolhi
A vontade por razaõ.

Assi q̃ d'ambos naceo
Este cuidado a q̃ vim
Trabalhos saõ para mim
Deſcãso de quẽ mos deu.