Eu sou uma antologia

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Eu sou uma antologia
por Fernando Pessoa


Eu sou uma antologia.
Escrevo tão diversamente
Que, pouca ou muita valia
Dos poemas, ninguém diria
Que o poeta é um somente.

Depois para si o poeta
Deve ser poeta também
Se ele não tem a completa
Diversidade
Não é poeta, é só alguém.
Eu graças a Deus não tenho
Nenhuma individualidade
Sou como o mundo (...)