Exígua lâmpada tranqüila

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Exígua lâmpada tranqüila
por Fernando Pessoa


Exígua lâmpada tranquila,
Quem te alumia e me dá luz,
Entre quem és e eu sou oscila.