Hino do município de Brunópolis

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Brunópolis
Letra por Luiz Cordeiro e Valdeni Cordeiro
Melodia por Luiz Cordeiro e Valdeni Cordeiro

Num canto sincero e ardente,
De quem traz na mente
Sua terra amada
Eu venho cantar tuas belezas,
Pela natureza
E por Deus abençoada.
Na vida sempre o que eu mais quis
Era viver feliz,
Em teu solo bendito.
No mundo por onde eu andar,
Nunca vou encontrar
Um lugar mais bonito.

O sol, que nasce com encanto,
Vem tirar teu manto
Feito de neblina.
Que vai subindo para o céu,
Como se fosse o véu
De Santa Catarina.
Então num cenário aberto
Eu posso ver de perto
A tua grandeza
Nos campos, o gado pastando,
Vai nos revelando
As tuas riquezas.

(Eu sou Brunopolitense,
Sou catarinense,
Filho do Brasil.
Minha terra é abençoada,
Por Deus planejada
Dos montes aos rios.
Quem já viu teu horizonte,
Bebeu na tua fonte,
Não te esquecerá
Só vai sentir alegria
Ao chegar o dia
Em que voltará).

A gente que aqui habita,
Tem a história escrita
Com sangue e suor.
Descendente de pioneiro
É um povo ordeiro
E trabalhador.
Na terra fértil cultivada
Lavouras semeadas,
Com dedicação
Nas verdes florestas plantadas
Para a exportação.
Eu venho trazer a mensagem,
Em tua homenagem,
Oh, terra altaneira.
Mostrando minha gratidão,
Vim saudar o teu chão,
E a tua bandeira.
Tu és o meu berço adorado
Que levo guardado,
No meu coração.
Comparo a tesouro valioso,
Que o senhor bondoso
Pôs em nossas mãos.

(Refrão)
(Refrão)