Hino do município de Parnamirim (Rio Grande do Norte)

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Hino do município de Parnamirim
Letra por Terezinha Martins da Silva
Melodia por Terezinha Martins da Silva

Como flecha que voa bem alto
Esse Rio Pequeno tenaz,
Glorioso nas terras, nos ares,
Trampolim que nos trouxe a paz.

Base aérea de feitos heróicos,
Guardiã desse céu de anil,
Como águia, protege teus filhos,
Teus lugares de encantos mil.

Parnamirim, Parnamirim, Parnamirim
Essa palma de ouro que tens
Sintetiza esforços de glórias
Que em louro coroa teus bens. BIS

A Barreira do Inferno eleva
Belas naves que assim vão buscar
Em pesquisas de novos saberes
Ganha espaço no bem conquistar.

Tuas dunas margeiam teu mar
Verdes matas a lhes recobrir
São muralhas que já te protegem
E pro futuro que então há de vir.

Parnamirim, Parnamirim, Parnamirim
Essa palma de ouro que tens
Sintetiza esforços de glórias
Que em louro coroa teus bens. BIS

Puras águas as fontes que jorram
Bem maior natural que provém
Em teu solo bondoso repousam
É pra nós como esguicho que vem.

Lindas praias em alvas areias
Negras pedras bordando teu mar
Pium, Pirangi, Cajueiro
E paisagem que faz deslumbrar.

Parnamirim, Parnamirim, Parnamirim
Essa palma de ouro que tens
Sintetiza esforços de glórias
Que em louro coroa teus bens. BIS

Lutadores, os filhos da terra
Educando de modo exemplar
Entoando canções ou folguedos
Ou em líder no bem comandar.

Oh! Meu Deus, abençoa esta terra
Nos caminhos do bem vem guiar
Que haja sempre a paz, não a guerra
E o progresso assim reinará.

Parnamirim, Parnamirim, Parnamirim
Essa palma de ouro que tens
Sintetiza esforços de glórias
Que em louro coroa teus bens. BIS