Horto (1910)/Mystico

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Místico
por Auta de Sousa


Ao Sair da Igreja Depois da Comunhão.

A chuva cai do céu e o mundo é como um ermo,
Um deserto sem fim de onde emigrou a luz...
Mas, que me importa a treva, a escuridão sem termo,
Se eu sinto dentro em mim quem fez o Sol - Jesus?