Não vos acabeis

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Não vos acabeis
por Anónimo e Trozilho
Cantiga renascentista portuguesa do Cancioneiro de Paris.


Não vos acabeis,
Tão cedo, pesares.
Não me leixeis,
Antes que m'acabeis.

Não me leixes sepultado,
Em vida de tantos danos,
Acabai os tristes anos,
Em que vivo tão penado.
Pesares este cuidado,
Tende-o vós, não me leixeis,
Antes que m'acabeis.