Página:As organizações no ciberespaço.djvu/23

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


a busca sistemática de informações. Para o autor, um caso pode se concentrar como

"estudo de uma comunidade, entendida como um grupo relativamente homogêneo de pessoas com relações interacionais difusas e algumas características espaciais (bairros), profissionais (trabalhadores, empresários) etc., pode concentrar o estudo sobre o que ocorre na vida cotidiana, como membros interagem, como se comportam em determinadas circunstâncias etc." (CHIZZOTTI, 2006, p.136)

Nessa direção, para Yin (2001) "o estudo de caso é uma investigação empírica que analisa um fenômeno contemporâneo dentro de seu contexto da vida real, especialmente quando os limites entre o fenômeno e o contexto não estão bem definidos." (YIN, 2001, p. 32) Ainda segundo o autor, tal procedimento metodológico estabelece que

"a investigação de estudo de caso enfrenta uma situação tecnicamente única em que haverá muito mais variáveis de interesse do que pontos de dados, e, como resultado, baseia-se em várias fontes de evidência, com os dados precisando convergir em um formato de triângulo, e, como outro resultado, beneficia-se do desenvolvimento prévio de proposições teóricas para conduzir a coleta e a análise de dados." (YIN, 2001, p. 32-33)

Portanto, este método deve possuir um norteamento teórico prévio que indicará as fontes de evidência durante o processo de pesquisa e poderá ocorrer a ratificação, a contestação ou, ainda, o surgimento de uma síntese deste modelo teórico, de acordo com os resultados que forem obtidos em relação ao objeto.

Neste momento se faz necessário sintetizar o assunto tratado pela pesquisa para que o leitor possa, mais facilmente, entender a pesquisa realizada, como ela se conecta com o objeto de pesquisa e, sobretudo, com a proposta teórica construída para a análise dos dados. Desta forma ficará mais explícito o norteamento teórico que fora traçado.

O leitor pode ser acometido de uma certa estranheza em relação ao nomes e temas que serão abordados no decorrer da leitura dos capítulos teóricos (III, IV e V). Autores com divergências são apresentados ao lado de outros que trataram dos temas em épocas e contextos diferentes. Todavia, cabe observar que o foco do trabalho são as organizações, independente de sua época ou ideologia. Nessa linha, as organizações formadas por seres humanos são o alvo de todos estes autores, cada qual ao seu modo. Os fatores como a melhor forma de governo, a propriedade privada, a necessidade do Estado, não foram objeto de