Página:Cultvra e Opvlencia do Brasil.djvu/21

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Fol.1

LIVRO I.

CAPITVLO I.

Do cabedal , que ha de ter o Senhor de hum Engenho Real.

O SER Senhor de Engenho , he titulo , a que muitos aſpiraõ ; porque traz conſigo o ſer ſer- vido, obedecido, & reſpeitado de muitos. E ſe for , qual deve ſer , homem de cabedal , & go- verno ; bem ſe póde eſtimar no Braſil o ſer Se- nhor de Engenho, quanto proporcionadamen- te ſe eſtimaõ os Titulos entre os Fidalgos do Reyno. Porque Engenhos ha na Bahia, que daõ ao Senhor quatro mil pães de Aſſucar , & outros pouco menos , com canna obrigada à Mo- enda, de cujo rendimento logra o Engenho ao menos a ameta- de , como de qualquer outra , que nelle livremente ſe moe: & em algumas partes , ainda mais que a ametade.

Dos Senhores dependem os Lavradores, que tem Parti- dos arrendados em terras do meſmo Engenho, como os Cida- daõs dos Fidalgos : & quanto os Senhores ſaõ mais poſſantes, & bem aparelhados de todo o neceſſario , aſſaveis , & verda- deyros ; tanto mais ſaõ procurados , ainda dos que naõ tem a A canna