Página:Diccionario Bibliographico Brazileiro v1.pdf/95

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Escreveu:

- Guia para facilitar o pagamento e cobrança do imposto do sello que baixou com o decreto n. 4,505 de 9 de abril de 1870. Bahia, 1870, in-4.º


Amarilio de Olinda Vasconcellos - Natural da provincia de Alagôas, nasceu em 1845.

Fez todo o curso de artilharia e serviu no exercito até o posto de capitão, a principio no 1º batalhão de artilharia, e depois no 1º regimento da mesma arma, tendo militado na campanha do Uruguay de 1865 e na campanha successiva do Paraguay até sua terminação. Deixando a carreira militar, passou ao serviço do ministerio da agricultura, e exerce actualmente o cargo de director da estrada de ferro de Baturité.

E' cavalleiro da ordem da Rosa, e condecorado com as medalhas das duas campanhas, em que militou.

Escreveu:

- Prolongamento da estrada de ferro de Baturité ao Cariry e os açudes da provincia do Cearâ. Fortaleza, 1881, 38 pags. in-4.º - Neste volume, em que tambem collaborou um collega do autor, Henrique Foglaro, depois do assumpto indicado no rosto da obra, se trata das necessidades da provincia contra as sêccas, e da garantia de sua propriedade.


Ambrosio Leitão da Cunha, Barão de Mamoré – Nasceu na provincia do Pará a 21 de agosto de 1825.

E' formado em sciencias sociaes e juridicas pela faculdade de S. Paulo, presidiu diversas provincias do Imperio, por diversas vezes representou na camara tempararia sua provincia natal, e representa no senado a do Amazonas deste 27 de abril de 1870, tendo servido antes diversos cargos da magistratura.

E' comendador da ordem da Rosa e da de Christo.

Escreveu, além de diversos relatorios:

- Analyse da lei do orçamento vigente e do projecto para o orçamento de 1863, não sanccionado pela presidencia. Para, 1863, 85 pags. in-4.º

- Discurso recitado pelo presidente da provincia doutor Ambrosio Leitão da Cunha no acto de inaugurar-se a irmandade da Misericordia da cidade do Recife no dia 29 de julho de 1860. Pernambuco, 1860, 6 pags, in-4.º

- Questão religiosa. O senador A. Leitão da Cunha ao bispo do Parâ. Rio de Janeiro, 1873, 30 pags. in-8.º


Ambrosio Machado da Cunha Cavalcante – E' natural da provincia de Alagôas, bacharel em sciencias sociaes e juridicas pela faculdade de Pernambuco, foi diversas vezes deputado á