Página:Echos de Pariz (1905).pdf/213

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


XVI

O «Salon»

 

O mez de maio, em Pariz, é dedicado á Esthetica.

Então se abre com uma certa solemnidade, em que collabora mesmo o chefe do Estado, a exposição de Bellas-Artes, a que os francezes chamam o Salão, sem duvida por causa da graça, da polidez e da sociabilidade da sua arte. Todas as classes de Pariz (com excepção dos operarios, que só se apaixonam pela politica) tomam um interesse, senão intellectual pelo menos social, n’esta abertura do Salão, mesmo aquellas que no resto do anno vivem tão indifferentes e separadas das cousas d’arte como das cousas da theologia Hindú. Ha assim, em todas as cidades, um dia tradicionalmente consagrado, ou ao Espirito, ou ao Sport, ou á Devoção, que tem o dom de reunir no mesmo enthusiasmo,