Página:Elementos de Arithmetica.djvu/149

Wikisource, a biblioteca livre
Ir para: navegação, pesquisa


Convertendo o resto 61 braças em palmos, acharemos 610 palmos, e dividindo esse resultado por 80, teremos para quociente 7 palmos e para resto 50 palmos.

Convertendo o resto 50 palmos em 400 pollegadas e dividindo e resultado por 80, acharemos para quociente 5 pollegadas.

Pelo que fica dito fácil é estabelecer a seguinte

Regra. — Divide-se o numerador pelo denominador ; o quociente representará unidades principaes e o resto converte-se em unidades da primeira subdivisão. Dividindo o resultado pelo mesmo ãivisor, acharemos para quociente uniãaães ãa primeira subãivisão. Se houver ainãa resto, converteremos esse resto em unidades ãa segunãa subãivisão, e assim continuaremos até a ultima subãivisão.

Estabeleçamos presentemente o processo directo para effectuar cada uma das quatro principaes operações sobre os numeros complexos.

Addição

181. A addição dos numeros complexos se effectúa do mesmo modo que a addição dos numeros inteiros. Escrevem-se os numeros uns abaixo dos outros, ãe moão que as unidades ãas differentes classes se correspondam em columnas vertieaes. Sommam-se as unidades contidas em caãa uma ãas columnas, começanão pela primeira ãa ãireita e attenãenão em caãa uma d'essas sommas ás diversas subdivisões ãa unidade principal; conservam-se mentalmente as reservas que se formarem, para reunir com as uniãaães ãa columna seguinte.

Sejam para sommar os numeros:

271b 13OBs goit 34grs 14 9 7 47 23 14 5 32 13 6 3 18 79ib 12ODí 6oit 59srs 44 22 131 12 22 1 20

Sommando a columna dos grãos,achamos 131; convertidos em oitavas dão loit 59?r; escrevemos por baixo 59®*, e como reserva levamos loit para sommar á columna das oitavas. A somma d'estas é então 22oit;

Vianna — Arithmetica 10