Página:Fabulas de Esopo.djvu/111

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
111
DE ESOPO.


MORALIDADE.

Ninguem se metta a mostrar habilidades que a natureza lhe negou. Cante o musico, pratique o letrado, o soldado trate de armas, o piloto de sua arte, e quem quer metter-se nas alheias, por ganhar terra, e contentar a outrem, ou sahirá como este asno espancado, ou o mandárão á estrebaria.


FABULA LI.
O Leão e o Rato.

Estando o Leão dormindo, andavão huns Ratos brincando ao redor delle, e saltando-lhe por cima o acordárão. Tomou elle hum entre as mãos e esta-