Página:Fabulas de Esopo.djvu/13

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
DE ESOPO. 9

boca, com que revolveo o estomago, e a tornou a lançar clara, mostrando estar em jejum, com o qual feito desmentio seus accusadores. Maravilhado o Senhor desta industria, e vendo sua innocencia, obrigou os outros a que fizessem o mesmo, e como se cumprisse, os que comèrão figos, os vomitárão com a agua juntamente, e forão por isso, e pelo falso testemunho castigados.

Convinha ao mercador partir-se dalli tres jornadas, onde se havia de embarcar para a ilha de Samos, e faltando-lhe bestas de carga, foi forçado repartir o fato pelos escravos. Mas como Esopo era pequeno e fraco, deo-lhe a escolher a carga, que se atrevesse a