Página:Os Vilhancicos.pdf/13

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
: OS VILHANCICOS : 9

Como eu vos estimo sob êste pó de tantos séculos volvidos!

Como eu vos folheio com respeito, sobressaltado sempre que uma sigla despreocupada me indica a proveniência donde viestes, indignado contra quem já vos maltratou, baralhando-vos, truncando-vos, cortando-vos sacrilegamente as vossas páginas fatigantes, meio desfeitas pelo inexoravel dobar dos anos!

 

Raros e pobres papeis tam frageis e tam esquecidos, sois um símbolo da vida. Flores, perfumes, cantos, toda a grandeza, todo o interêsse, reis, grandes, gente humilde — o que vos rodeou e fez amar — tudo passou ao tufão do tempo. Nada do que vos acarinhou subsiste. E foi ainda mercê do desprezo a que fôstes votados que chegastes até nós, perdidos em esconsos e bolorentos escaninhos de velhos armários — pelo que vos posso estudar — profanando-vos, afinal, o silencio e o esquecimento.


II

Para se avaliar da intensidade a que entre nós chegou o gôsto da pequena interessante composição bastará referir que no Index da Li-