Página:Stradelli 1929 vocabularios.djvu/13

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
12
REVISTA DO INSTITUTO HISTÓRICO

Quando o A é duplo, é o segundo que deve ser pronunciado aberto, e o primeiro, e o primeiro e o terceiro quando triplo. Ex. Caá — mato, Cáaá — defecado; mas, neste caso, entre a pronúncia do primeiro e do terceiro, ha uma differença sensivel, sendo mais aberto o ultimo.

No fim das palavras o A pode ser accentuado — Ex. Pirá — peixe; mudo — Ex. Pyra — sarna; nasal — Ex. Munhã — feito.

§ 5 — O som do E, que tambem corresponde ao do E portuguez, pode egualmente ser aberto, nasal ou mudo.

E' aberto quando o accento recae sóbre elle — Ex. Cikié — medo; Opéna — quebra. E' nasal perante o N, tanto no fim como no meio da palavra — Ex. Nheênga — palavra; Nheen — dicto. E' mudo, tanto no corpo das palavras, especialmente quando precede ou segue uma syllaba accentuada — Ex. Aetá — elles; Porunguetá — fallado; como no fim — Putáre — querido; sendo que neste ultimo caso se ouve muito facilmente substituido pelo I e dizem — Aitá; Porunguitá; putari — mas é, talvez, influencia do portuguez.

§ 6 — O I tambem é sujeito ás tres formas de pronúncia nas condições indicadas pelo E, e quando mudo em muitos casos se torna substituivel e é substituido por este. Ex. Peri — capim dos campos; Periãntá — capim duro; Piripirioca — casta de bulho cheiroso muito usado pelas mulheres do Pará e Amazonas; Ti — nariz, focinho; Pitinga — rude, tosco.

O I, todavia, em muitas localidades se ouve trocado pelo U, e pronunciado como si fosse seguido de um G; em ambos os casos, a nosso ver, já não se tracta de um I e, sim, de um Y, isto é, daquella vogal que se concordou em chamar I tapuio; deste diremos adeante (§ 9).

O I não raramente, entre duas vogaes ou inicial, assume a feição de consoante. — Ex. Iuruti — juruti; Mbeiú — bejú. Si na adaptação destas palavras para o portuguez-brasileiro este I se mudou em J, na pronúncia nheêngatú conserva bem claro o seu som de I, embora se torne mudo, fazendo syllaba com a vogal successiva.

§ 7 — O O tem o som aberto, mudo e nasal, e tem mais um som grave, que poderiamos chamar fechado e que não nos foi dado perceber nas outras vogaes.

O som aberto corresponde em geral com o accento e com elle se confunde — Ex. Caipóra — desditado; Tauatá — casta de gavião; Posó — andáes.

O som grave ou fechado o tem como inicial da terceira pessoa do plural ou singular dos verbos e no final de algumas palavras, sem embargo de nelle cair o accento — Ex. ô-icô