Poesias eroticas, burlescas e satyricas/Notas às cartas de Olinda e Alzira

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Poesias eroticas, burlescas e satyricas por Inocêncio Francisco da Silva
[Notas às cartas de Olinda e Alzira]

Estas famosas cartas gosam desde muitos annos da posse de andarem encabeçadas no nome de Bocage em diversas collecções manuscriptas, que temos tido presentes. Se por ventura não são d′elle, ao menos (que nós saibamos) não foram ainda attribuidas a outro auctor.

As seis primeiras epistolas tem sido já impressas, e por mais de uma vez, posto que mais ou menos correctas, conforme os diversos transumptos que os editores poderam haver á mão para as suas edições. Quanto á setima (pag. 90) devemos declarar que não sómente julgamos ser esta a primeira vez que se imprime, se não que estamos persuadidos de que poucas pessoas haverão noticia da sua existencia. Pelo menos na immensa multidão de opusculos e papeis d′esta natureza, que no decurso de muitos annos temos revolvido, apenas uma unica vez deparámos com esta epistola junta ás suas companheiras. D′essa cópia extraimos a que nos serviu para a presente edição; onde, pela impossibilidade de fazer a necessaria confrontação com outras cópias, deixamos ir alguns logares, que nos parecem viciados, mas que nos não atrevemos a emendar de motu proprio.