Senhora, quem vos disser (Cancioneiro de Paris)

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Senhora, quem vos disser
por Anónimo
Vilancico renascentista português do Cancioneiro de Paris.


Senhora, quem vos disser
Que vos quer bem d'amizade,
Não creais que diz verdade,
Que d'amores vo-lo quer.

Eu lho quisera dizer,
Mas não são nada fingindo,
Antes quero ser perdido,
Que mentira me valer.
Assi que quem vos disser,
Que vos quer bem d'amizade,
Não creais que diz verdade,
Que d'amores vo-lo quer.