Bíblia Aberta/João/II

Wikisource, a biblioteca livre
< Bíblia Aberta‎ | João
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
João - Capítulo II
por Vários


Esta página também faz parte do Projeto Bíblia Aberta.

O milagre da água em vinho[editar]

1 No terceiro dia houve um casamento em Caná da Galileia, a a mãe de Jesus estava ali; 2 Jesus e seus discípulos também foram convidados para o casamento. 3 O vinho se acabou. Então a mãe de Jesus disse para ele:

- Eles não têm mais vinho.

4 Jesus lhe respondeu:

- O que eu tenho a ver com isso, mulher[1]? A minha hora ainda não chegou.

5 A mãe dele disse aos serventes:

- O que ele disser para vocês, façam.

6 Ali havia seis vasos de pedra, para se pôr água, que os judeus usavam para se purificarem. Em cada vaso cabiam duas ou três medidas[2].

7 Jesus lhes disse:

- Encham os vasos com água. E eles os encheram até a borda.

8 E disse também[3]:

- Tirem, e levem ao organizador da festa.

E eles levaram.

9 O organizador da festa experimentou a água que tinha se tornado vinho, sem saber de onde era (mas os serventes sabiam que tinham tirado água). Então o organizador da festa chamou o noivo, 10 e disse para ele:

- Todo homem põe primeiro o vinho bom, e quando os convidados[4] já beberam bastante, então põe o vinho pior. Mas você guardou o vinho bom até agora!

11 A partir deste, Jesus começou a fazer milagres, em Caná da Galileia; e assim[5] manifestou a sua glória; e os seus discípulos creram nele.

Jesus em Jerusalém. Discussão no templo[editar]

12 Depois disto ele desceu para Cafarnaum com sua mãe, seus irmãos e seus discípulos; e ficaram ali uns poucos dias[6]. 13 A páscoa dos judeus estava próxima, e Jesus subiu para Jerusalém. 14[7] ele achou no templo os que vendiam bois, ovelhas e pombas, e os que trocavam moedas sentados; 15 então ele fez um chicote com cordas, e expulsou a todos do templo, e as ovelhas e os bois; e espalhou[8] as moedas dos que as trocavam, e virou as mesas, 16 e disse aos que vendiam as pombas:

- Tirem isto daqui! Não façam a casa do meu Pai uma casa de comércio!

17 E seus discípulos se lembraram do que está escrito:

O zelo/cuidado que tenho[9] pela tua casa me consumirá/deixará cansado/exausto[10].

18 Então os chefes dos[11] judeus lhe perguntaram:

- Que sinal tu nos mostras, para teres autoridade de fazer isto[12]?

19 Jesus lhes respondeu:

- Destruam este templo, e em três dias eu o levantarei.

20 Disseram os chefes dos [11] judeus:

- Este templo foi levantado em quarenta e seis anos, e tu o levantarás em três dias?

21 (Mas ele estava falando do templo do seu corpo). 22 Quando, então, ele foi ressuscitado[13] dentre os mortos, seus discípulos se lembraram de que ele tinha dito isto, e creram na Escritura e na palavra que Jesus tinha falado.

23 Enquanto ele estava em Jerusalém, na festa da páscoa, muitos creram no seu nome, ao verem os sinais[14] que ele fazia. 24 Mas o próprio Jesus não confiava neles, porque ele conhecia a todos, 25 nem precisava que alguém lhe desse testemunho de outra pessoa; pois ele mesmo conhecia o que havia dentro de cada um[15].

Notas[editar]

  1. Literalmente: O que, a mim e a ti?
  2. A medida (grego μετρητας) era de aproximadamente 40 litros, então cada vaso continha cerca de 100 litros.
  3. também foi adicionado por questão de estilo
  4. os convidados foi posto por clareza
  5. assim foi adicionado por questão de estilo
  6. Literalmente não muitos dias
  7. foi adicionado por questão de estilo
  8. Literalmente derramou
  9. que tenho foi adicionado para aumentar a clareza
  10. Salmo 69:9
  11. 11,0 11,1 chefes dos foi adicionado pois é o que implica o contexto
  12. Literalmente: visto que tu fazes isto
  13. Literalmente levantado
  14. Ou milagres
  15. Literalmente o que havia no ser humano ou o que havia no homem