Cantigas de Santa Maria/XII

Wikisource, a biblioteca livre
Ir para: navegação, pesquisa
Cantigas de Santa Maria por Afonso X
Cantiga XII: O que a Santa Maria mais despraz


Esta é como Santa Maria se queixou em Toledo no dia de sa Festa de Agosto, porque os judeus crucificavam a omagem de cera, a semelhança de seu filho.

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.

E daquest’ um gran miragre vos quer’ eu ora contar,
que a Reinha do Ceo quis en Toledo mostrar
eno dia que a Deus foi corõar,
na sa festa que no mes d'Agosto jaz.

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.

O Arcebispo aquel dia a gran missa bem cantou;
e quand’ entrou na segreda e a gente se calou,
oíron voz de dona, que lhes falou
piadosa e doorida assaz.

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.

E a voz, com’ é, chorando, dizia: « Ay Deus, ay Deus,
com’ é mui grand’ e provada a perfia dos judeus
que meu Filho mataron, seendo seus,
e ainda non querem conosco paz. »

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.

Poi-la missa foi cantada, o Arcebispo saiu
da eigreja e a todos diss' o que da voz oiu;
e toda a gent’ assi lhe recodiu:
« Esto fez o poblo dos judeus malvaz. »

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.

Entón todos mui correndo começaron logo d’ir
dereit’ à judaria e acharon, sem mentir,
omagem de Jeso-Crist’, a que ferir
iam os judeus e cuspir-lhe na faz.

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.

E sem aquest’, os judeus fezeram uma cruz fazer
em que aquela omagem querían logo põer.
E por est’ houveron todos de morrer,
e tornou-se-lhes en doo seu solaz.

O que a Santa Maria mais despraz,
é de quem ao seu Filho pesar faz.