Castelo Perigoso/XIV

Wikisource, a biblioteca livre
< Castelo Perigoso
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Castelo Perigoso
Capítulo XIIII – Em que trata de uma monja que discorreu em este pecado


Foi em outro tempo uma monja devota, formosa de corpo e de coração. E entre as outras formosuras que havia tinha muito formosos olhos. E o senhor da terra a viu e quis a[1] haver por amores, mas não pode. E mandou-a roubar por sua gente.

E ela, quando os viu, temeu-os muito e perguntou-os por que a amava seu senhor mais que as outras. E eles responderam: "Senhora, por vossos formosos olhos". E ela os fez logo tirar e enviou-lhos, e mandou-lhe dizer que já havia o que desejava, que daquilo fizesse sua vontade. E ela amou mais perder formosura do corpo que a da alma. Outro exemplo:

Notas[editar]

  1. "Quise-a", no original.