Castelo Perigoso/XXIX

Wikisource, a biblioteca livre
< Castelo Perigoso
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Castelo Perigoso
Capítulo XXIX – Que trata de muitas extremadas razões porque a Virgem Gloriosa Senhora deve ser servida


Muitas aí há de razões porque homem deve servir esta gloriosa senhora: por sua santidade, por sua pureza, e porque é servida de toda a corte do paraíso. Seu glorioso nome não devia ser partido em morte nem em vida do coração da devota pessoa. Ca são Bernardo diz que, assim como a cera se derrete ante o fogo, assim foge o diabo ante o nome de Santa Maria.

Ele diz que este nome é mel em boca, prazer em coração, melodia nas orelhas. E ainda diz: "Deus não nos quer alguma coisa dar, que não passe pela mão de Maria". Ora, pois, a servamos devotamente, e ela nos ajudará no grande mister, scilicet, na hora da morte.