Contos Tradicionaes do Povo Portuguez/O balido da ovelha

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Contos Tradicionaes do Povo Portuguez por Teófilo Braga
220. O balido da ovelha


220. O BALIDO DA OVELHA

Quando a Virgem ia para o Egypto, andava a ovelha no monte a berrar: Belem! Belem! A Virgem não queria que ella berrasse para se não saber que ella ia ali, e a ovelha continuava sempre a dizer aquillo. A Virgem Maria amaldiçoou então a ovelha, ficando esta sempre condemnada a berrar.

(Famalicão.)





Notas[editar]

Vid. a Nota às lendas 216 a 227.