Contos de Andersen/Esta fábula é dedicada a você!

Wikisource, a biblioteca livre
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Contos de Andersen
por Hans Christian Andersen
08 – Esta fábula é dedicada a você!


Esta fábula é dedicada a você![editar]

Os sábios da antiguidade descobriram como dizer a verdade às pessoas sem ser rudes com elas. Vejam vocês, eles colocavam um espelho mágico diante das pessoas, onde podiam-se ver todos os tipos de animais e várias coisas maravilhosas, tanto cenas divertidas bem como imagens educativas. Eles chamaram isso de fábulas, e qualquer ação inteligente ou tola que os animais realizavam, as pessoas ficavam se colocando no lugar deles e com isso pensavam: "Esta fábula foi dedicada para você!" E dessa maneira os sentimentos de ninguém eram feridos. Vamos dar um exemplo.

Era uma vez duas montanhas muito altas, e no topo de cada uma delas havia um castelo. Num vale, que ficava num lugar muito baixo, corria um cachorro faminto, cheirando o chão por todo lado, como se estivesse procurando um camundongo ou uma codorna. De repente, ouviu-se uma trombeta que vinha de um dos castelos, para anunciar que era chegada a hora da refeição. O cachorro imediatamente começou a subir a montanha, esperando receber a sua parte da refeição, mas, quando ele estava no meio do caminho, a trombeta parou de tocar, e a trombeta do outro castelo começou. "Deste lado," pensou o cachorro, "eles já terão terminado o almoço antes que eu consiga chegar, mas do outro lado eles já estão se preparando para recomeçar." Então, ele desceu e começou a subir a outra montanha. Mas, nesse instante, a primeira trombeta começou a tocar novamente, enquanto a segunda havia parado. O cachorro desceu pela segunda vez, e subiu a primeira montanha, e assim continuou até que as duas trombetas pararam de tocar, e não havia mais refeições nos dois castelos.

E então, adivinhem o que os sábios da antiguidade teriam dito sobre esta fábula: quem seria tolo de ficar correndo o tempo todo, para cima e para baixo, sem ganhar nada.?




Links externos[editar]